NotíciasRedação

Pedro Luís e Soraya Ravenle conversam com Vera Barroso no Sem Censura

Nesta segunda (20), ao vivo, às 17h, o programa Sem Censura da TV Brasil recebe o cantor e compositor Pedro Luís e a atriz e cantora Soraya Ravenle que contam seus novos projetos para a apresentadora Vera Barroso.

O bate-papo conta ainda com a presença de Márcia Rodrigues, gerente de cultura do Sesc para falar sobre o Festival Palco Giratório 2017. Já Márcio Selles, que dirige Orquestra de Cordas da Grota, vem ao programa com um quarteto de cordas da banda que mostra seu talento no palco do Sem Censura.

O músico carioca Pedro Luís volta comenta o trabalho “Aposto” (2015), primeiro DVD solo em 25 anos de carreira. No show autoral, o compositor interpreta as próprias canções e traz um repertório formado por obras que fizeram sucesso na voz de grandes intérpretes.

Ele conta que “Aposto” surgiu a partir de um show baseado em canções gravadas por vozes femininas. O projeto reúne músicas conhecidas nas vozes de outros artistas, além de canções inéditas e convidados especiais. O espetáculo segue em curta temporada durante o mês de março.

Com uma carreira plural, o cantor brilha em diversas frentes. Ele lidera a banda “Pedro Luís & A Parede” que mistura rock, rap, samba e funk. Também fundou o Monobloco que brilha não só no carnaval e arrasta multidões por onde passa.

Já a atriz e cantora Soraya Ravenle fala sobre o novo disco “Quatro Ventos” que está lançando com o grupo LiberTango. O repertório do álbum une o gênero famoso na Argentina e clássicos brasileiros. A parceria envolve ainda apresentações no Rio de Janeiro.

Resultado de uma campanha de financiamento coletivo, o projeto celebra o encontro do conjunto e Soraya Ravenle. Desde 2013, ela divide o palco com o grupo formado há mais de 20 anos por Estela Caldi (piano) e dois de seus filhos, Alexandre Caldi (saxofones e flautas) e Marcelo Caldi (acordeom).

As apresentações mesclam versões em tango de “Rosa-dos-Ventos” (Chico Buarque) e “Nunca” (Lupicínio Rodrigues) com músicas inéditas dos irmãos Caldi, algumas em parceria com Sérgio Ricardo, João Cavalcanti e Camila Costa. O show da artista com a banda, que se tornou disco este mês, inclui a música inédita “Mi querido bandoneón”, composta por Tim Rescala para o álbum “Quatro Ventos”.

O quarteto de cordas que integra a Orquestra de Cordas da Grota participa do Sem Censura interpretando obras como “Suíte Viajando pelo Brasil”, de Ernst Mahle. O músico e historiador Márcio Selles, diretor da orquestra, explica o trabalho desenvolvido com os jovens carentes em Niterói.

Fundada em 1995, a Orquestra de Cordas da Grota tem uma trajetória que conquistou o respeito da crítica especializada e do público. Hoje, o grupo – que conta com uma agenda regular de apresentações, inclusive internacionais –, gravou disco e amplia sua atuação com o investimento na profissionalização de seus músicos.

O Palco Giratório, circuito de artes cênicas do Sesc, completa 20 anos de existência em 2017 e roda o país para a temporada 2017. Para falar sobre a iniciativa, Vera Barroso entrevista a gerente de Cultura do Departamento Nacional do Sesc, Márcia Rodrigues.

A partir do dia 29 de março, até dezembro, o projeto visita 144 cidades nos 26 estados e no Distrito Federal, com espetáculos teatrais e intercâmbios artísticos. Este ano, o Palco Giratório conta com a participação de 20 companhias, que somam 685 apresentações e 1.188 horas de oficinas teatrais.

Serviço:

Sem Censura – segunda-feira (20), às 17h, na TV Brasil.

Roseann Kennedy entrevista Eliana Calmon nesta segunda (20) na TV Brasil

“A Lava jato é um divisor de águas”, afirma ex-ministra do STJ

A jornalista Roseann Kennedy recebe Eliana Calmon nesta segunda (20), às 21h30, no programa Conversa com Roseann Kennedy, da TV Brasil. Primeira mulher a ocupar um cargo de ministra no Superior Tribunal de Justiça (STJ), esteve à frente, por dois anos, da corregedoria do Conselho Nacional de Justiça (CNJ). Candidata ao Senado em 2014, acredita que a experiência foi rica mas diz que não pretende se candidatar novamente.

De temperamento forte e famosa por frases polêmicas, a magistrada causou comoção ao afirmar que no Judiciário existem “bandidos de toga” referindo-se ao comportamento de alguns juízes que usam do cargo para se beneficiar. Hoje, aposentada do serviço público faz críticas ao sistema político e ao Judiciário.

Para Eliana, a força tarefa conhecida como Lava Jato “é um divisor de águas”. “Nós estamos agora passando a limpo aquilo que todo mundo sabia. Quem é que não sabia da existência de uma intimidade indecente entre a classe política e econômica?”, afirma na entrevista inédita que concedeu ao programa Conversa com Roseann Kennedy.

A magistrada entende que a partir da operação vieram à tona as entranhas do poder brasileiro e sua relação com a corrupção em todos os níveis de governo. A ex-ministra dispara: “Se o Brasil está passando a limpo os poderes da República, o Executivo e o Legislativo, precisa também passar a limpo o poder Judiciário”.

E completa: “Esses são os piores. Porque pelo menos no Legislativo e Executivo, nós fazemos a renovação de quatro em quatro anos pelo voto popular. E na magistratura, não. Nós temos um juiz corrupto que fica a vida inteira”, enfatiza a entrevistada.

Por fim, ao criticar a permissividade que o brasileiro costuma ter com os amigos, principalmente no judiciário, ela tem posições firmes: “Eu não quero ser justiceira”. E manda um recado: “Eliana juíza, não é amiga de ninguém, porque eu sou a justiça”.

O bate-papo que rendeu posturas contundentes da ex-ministra pode ser conferido na TV Brasil nesta segunda-feira (20), às 21h30, no programa Conversa com Roseann Kennedy.

Serviço:

Conversa com Roseann Kennedy – segunda-feira (20), às 21h30, na TV Brasil.

Se inscreva no canal Coluna da TV e fique por dentro de tudo que acontece no mundo dos famosos e nos bastidores da televisão, clique no link abaixo:

 





Anddreh Ponttez

Anddreh Ponttez é ator, jornalista por vocação, escreve sobre famosos e televisão desde 2011.Escreveu para diversos veículos de comunicação e hoje comanda o site Coluna da TV.Em 2017 estreou como colunista de TV e famosos dos programas A Tarde é Show e do Programa Lucimara Parisi, na Rede Brasil.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Botão Voltar ao topo
%d blogueiros gostam disto: