Catia Fonseca entrevista enfermeira de Manaus

2
CATIA FONSECA COLUNA DA TV
Foto:Reprodução/Band TV

 

rectransfer
Anúncio publicitário.

No comando da apresentadora Catia Fonseca, o Programa Melhor da Tarde, da Band, desta sexta-feira (15), conversou com a enfermeira Márcia (nome fictício), que trabalha na linha de frente de combate ao CORONAVÍRUS, em um hospital público de Manaus, Amazonas. Aos prantos, a entrevistada relatou o drama que os profissionais da saúde e os familiares dos pacientes internados estão enfrentando por falta de oxigênio e suporte necessário. “ Desde a primeira pandemia já tinha sido alertado mas o governo deixou se agravar demais. É muito triste ver as pessoas morrendo, ver aquelas pessoas gritando, pedindo socorro. O nosso povo implora por saúde, implora por oxigênio. Eu peço ajuda aos empresários, às autoridades, para não deixarem as pessoas morrerem. A gente precisa de ajuda”, implorou a enfermeira.

Bastante emocionada e com a voz embargada, Catia Fonseca mostrou cenas que a profissional da saúde gravou na unidade em que trabalha, onde corpos estavam sendo retirados dos corredores e comparou as imagens com a de uma guerra: “ Eu acho que são cenas piores do que as de uma guerra, porque numa guerra a gente vê um ataque acontecendo, infelizmente muita gente morre, mas você não tem o que fazer. Mas em uma situação como a que  Manaus está passando poderia ser evitada ou minimizada. Não se pode evitar a pandemia porque é um problema mundial mas a gente poderia evitar que tantas mortes acontecessem, tantas pessoas sofressem . A gente tem que ter empatia e pensar na agonia dessas pessoas que querem respirar e não podem”, desabafou a apresentadora.

Ao ser questionada sobre a falta de oxigênio e a decisão de ter que escolher qual paciente “ salvar”, a enfermeira contou que a situação é aterrorizante: “ Isso nunca vai sair da mente da gente, nunca imaginei que passaria por isso, eu não consigo dormir”, contou a profissional.

Catia ressaltou que o descaso com a saúde pública e com a população não é de agora e já vem de outros governos: “ Eu não estou falando deste presidente, destes políticos porque esse descaso com o brasileiro acaba sendo o grande problema de décadas e décadas, dos que estão no governo e dos que já estiveram aqui. A gente não pode mais aceitar isso, a gente não pode aceitar que se superfature respiradores no meio de uma pandemia. Se isso acontecesse em outros países seria diferente. A situação é difícil mas todos estes que são responsáveis e estão  vendo que o caos está acontecendo deveriam se prevenir antes, se organizar para evitar tudo isso. Agora quero saber se todos os políticos que sucatearam a saúde, superfaturaram e desviaram dinheiro, estão conseguindo dormir, Quero saber se eles conseguem dormir”, questionou.

Veja a entrevista completa no endereço:

 https://www.youtube.com/watch?v=9W0rUSOpfCI

Siga o Coluna da TV nas redes sociais:

Facebook:https://www.facebook.com/ColunaDaTV/

Instagram:http://instagram.com/colunadatv

Leia também:

Médium e Paranormal Tania Macedo previu o caos em Manaus

2 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.