Empresário do futebol dá dicas de como não cair no golpe dos falsos agentes de jogadores

0

Daniel Dantas, fundador e presidente da DWS, afirma que um empresário com boas intenções nunca pede dinheiro ao atleta

Em um país em que o pobre tem poucas oportunidades, muitos meninos enxergam no futebol uma forma de vencer na vida e deixar para trás as dificuldades. Cheios de sonhos e sem saber distinguir bons e maus empresários, eles são cooptados por falsários com a promessa da tão sonhada carreira profissional. Esses falsos agentes se aproveitam da vulnerabilidade social da família desses garotos para aplicar golpes.

Mas como se proteger desses golpistas? Daniel Dantas, fundador e presidente da DWS (Dantas World Soccer e outros negócios na América) afirma que fazer um levantamento do agente é fundamental.

“Antes de assinar qualquer documento com alguém que se diz ser empresário ( agente ), faça um levantamento nas redes sociais da vida dessa pessoa ou empresa. Existem muitas pessoas se passando por Agente Fifa, empresário de jogador, que na realidade não passam de aproveitadores de pessoas humildes, sem muitos conhecimentos e recursos financeiros”, diz o empresário.

É comum lermos ou assistirmos matérias de famílias que perderam muito dinheiro com a promessa desses falsos agentes. Daniel afirma que empresário que trabalha com seriedade arca com todas as despesas do atleta.

“Nunca acredite em um empresário que lhe peça dinheiro em troca de uma grande oportunidade. Esse está mais interessado em seu dinheiro do que lhe ajudar profissionalmente. Procure se informar mais a respeito de quem está querendo lhe ajudar. Com as redes sociais tudo fica mais fácil. Não se deixe enganar. Infelizmente o mundo em que vivemos está cercado por aproveitadores”, afirma.

Mas um jogador precisa mesmo de um empresário?

“Na realidade, um empresário é fundamental na carreira de um jogador de futebol. Grandes atletas como Cristiano Ronaldo, Neymar Junior e muitos outros grandes jogadores, talvez não tivessem chegado aonde chegaram, se não fossem as investidas de seus empresários. E claro que os jogadores por si só, já poderiam se auto representar. Mas um Agente sempre estará buscando uma situação bem melhor do que o jogador se encontra no momento”, argumenta Dantas.

Daniel explica como funciona da DWS (Dantas World Soccer e outros negócios na América)

“Temos um cuidado especial com relação aos nossos jogadores. Desde o primeiro momento em que assinamos um contrato com o atleta, deixamos bem claro toda a nossa obrigação como empresa para com o jogador. É muito fácil prometer mundos e fundos ao atleta quando ele está no auge da sua carreira profissional e sem condições financeiras de seguir em frente. E aí que fazemos a diferença, cumprimos com o que prometemos. A DWS já atua aqui nos Estados Unidos há mais de 9 anos. Seu objetivo principal é transformar vidas através do esporte”, pontua.

Atualmente, a DWS tem parcerias com clubes na América do Sul ( Brasil, Argentina, Colômbia, México e Equador ), Europa ( Portugal, Espanha, França, Alemanha e Inglaterra ), América do Norte ( Estados Unidos e Canadá ) e Ásia( China, United Arab Emirates, Saudi Arabia e Qatar). A empresa, hoje, conta com 12 jogadores atuando em clubes profissionais no Brasil e no exterior.

Dantas diz que ser empresário de jogador não é uma profissão fácil. Ele relata que já perdeu dinheiro por causa da má índole de pessoas e clubes.

“Desde de quando me tornei Agente FIFA em 2012, tenho visto de tudo no mundo do futebol. Já fui passado para trás algumas vezes por presidentes de clubes, por colegas da profissão que se diziam também ser empresários de jogador e por jogadores. Tudo na vida serve como experiência para que você cresça e não caia no mesmo golpe duas vezes. Aprendi que não basta o atleta ser um excelente jogador dentro de campo, ele também tem que ser excelente fora dele. Trabalhamos muito a parte moral do atleta para que ele, ao se tornar um profissional, saiba administrar o seu dinheiro. Transformar a vida de um ser humano através do esporte é a nossa meta. Até aqui Deus tem nos ajudado e acreditamos no sucesso do nosso trabalho”, conclui.

DEIXE UMA RESPOSTA

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.