EntrevistasNotíciasRedação

 Dupla Célia e Celma se apresenta no “Luar do Sertão”

Padre Paulo Morais (padre Paulinho) e Wanessa Ferreira comandam mais uma edição do “Luar do Sertão”, nesta terça-feira (07/09), às 19h30, na TV Aparecida. Além de receber a dupla Célia e Celma, o programa presta homenagem ao aniversário da Rede Aparecida (Rádio Aparecida, TV Aparecida e Portal A12).

Luar do Sertão
Juan Ribeiro/divulgação

Na produção desta semana, as irmãs Célia e Celma conversam sobre a história de sua carreira e cantam alguns sucessos como “Meu primeiro Amor”, “Pé de Ipê”, “Alpendre da Saudade”, “Brasil Poeira” e “Triste Berrante”. 

A participação no pedido musical do programa é de Eduardo Miranda, editor-chefe de jornalismo da TV Aparecida, com a música “Meu Reino Encantado”. 

E no quadro “Recordação”, o homenageado da semana será “Zé do Rancho”, e Padre Paulinho, por sua vez, irá cantar a música “Meu Sítio, meu Paraíso”, de composição do artista. 

 Ainda no “Luar do Sertão”, Padre Paulinho e Wanessa Ferreira transmitem uma mensagem de carinho e de agradecimento pelo aniversário da Rede Aparecida. E com as convidadas, o padre também canta “Bendito do Rosário de Maria”.

Sobre as convidadas: 

As irmãs gêmeas Célia e Celma nasceram em Ubá (MG). O pai, Celidonio Mazzei, antes de se tornar um renomado fotógrafo da região, foi músico; tocava bombardino na banda local. Aos cinco anos, as meninas encararam um público pela primeira vez, em um concurso promovido por um circo armado na cidade. Ficaram em primeiro lugar, cantando em dueto e em italiano, a música “Babbo non Vuole”, ensinada pelo pai. 

Pela formação religiosa que receberam, participavam ativamente das encenações litúrgicas, do coro da igreja – cantando inclusive em latim – e do coral do Colégio Sacrè-Coeur de Marie, onde estudaram e formaram-se professoras. Nos intervalos das aulas, criaram o grupo instrumental “Garotas”, sucesso em toda a região. Celma tocava baixo acústico e percussão; e Célia, bateria, tendo aulas em Juiz de Fora (MG), com Miltinho, que foi do Quinteto Onze e Meia, do Jô Soares. Desde então, a dupla não parou mais, gravando discos e realizando shows pelo País.

“Luar do Sertão”, terça-feira, às 19h30

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Botão Voltar ao topo
%d blogueiros gostam disto: